Fale Conosco: (31) 3292-5776

Orientação Lacaniana

SEMINÁRIO DE ORIENTAÇÃO LACANIANA – 2º Semestre de 2019

O SONHO DO HOMEM DOS LOBOS E SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA A PRÁTICA LACANIANA

Neste semestre, daremos sequência à discussão dos sonhos interpretados por Freud, desta vez nos detendo sobre o sonho do “Homem dos Lobos” ( in: Freud,  “História de uma neurose infantil”, 1918/1914).  Examinaremos o modo como este sonho se inscreve na estrutura do caso, considerando a hipótese freudiana de que por traz desse sonho esconde-se a causa da neurose infantil em função de uma reativação  da cena primária.

É Lacan quem irá chamar a atenção para a estrutura visual desta cena primária, “campo onde se faz a primeira abordagem da presença fálica, e de um modo que sabemos ser traumático” (cf. Lacan, Seminário livro 10: a angústia). Por esta mesma via, destaca-se a presença do olhar neste sonho, através do qual se dá “a sustentação e a ocultação simultâneas do objeto a”. Esta perspectiva nos coloca na trilha de pensar, a partir do sonho, a relação entre fantasia e real.

Daremos atenção também a dimensão temporal desta análise. Entre outros aspectos, veremos como Freud opera com a noção de “regressão” aos estados libidinais, ao mesmo tempo em que acompanharemos a crítica de Lacan a toda ideia de progressão, maturação ou desenvolvimento da libido.

Para este trabalho de investigação, iremos nos orientar pelas considerações de Miller a respeito do Homem dos Lobos (cf. Miller, Opção Lacaniana 56/57 e 59), que se encontram nas lições que fizeram parte do seu Seminário de D.E.A. sobre a clínica diferencial das psicoses ( 1987-88).  Examinaremos sua hipótese de que este sonho tem valor de “corte” para o analisante, bem como a importância das duas concepções de relação sexual do Homem dos Lobos, que se expressam através do erotismo anal e de sua relação com a castração.

Por fim, teremos a oportunidade de abrir uma discussão a respeito da função dos sonhos nas psicoses, a partir do debate que se instaurou a respeito da estrutura clínica do Homem dos Lobos. Vale lembrar que é da leitura do texto freudiano deste caso que Lacan extrai o termo Verwerfung (foraclusão).

Datas:

  • 29/08/19
  • 26/09/19
  • 31/10/19
  • 28/11/19

Local: EBP-MG

Horário: 20h30

 Coordenação: Jésus Santiago e Ram Mandil