Publicações Nacionais

Você está aqui:

PUBLICAÇÕES NACIONAIS

Opção Lacaniana – Revista Brasileira Internacional de Psicanálise teve sua origem na difusão de um modesto encarte, o Jornal Brasileiro de Psicanálise, criado com o objetivo de promover o debate entre psicanalistas de orientação lacaniana. Sua concepção é contemporânea à da “Iniciativa Escola”, um projeto iniciado em 1992 com o intuito de criar, no Brasil, uma sólida instituição de psicanálise ligada à Associação Mundial de Psicanálise.

Três anos depois, o Jornal se tornou revista e adquiriu porte internacional, contando com artigos de colegas do mundo inteiro. Desde então, sustenta o compromisso de fomentar o debate e a troca de experiências, contribuindo com a formação permanente exigida pelo devir analista.

A revista Opção Lacaniana, ligada à Associação Mundial de Psicanálise, à Escola Brasileira de Psicanálise e ao Instituto do Campo Freudiano, publica artigos clínicos e teóricos, ensaios sobre as conexões da psicanálise com outros campos de saber e comentários de leitura. Seu trabalho inspira-se nas palavras de Lacan: “Queremos, com o percurso de que estes textos são o marco e com o estilo que seu endereçamento impõe, levar o leitor a uma consequência em que ele precise colocar algo de si.” (Lacan J. Escritos. RJ: Jorge Zahar Editor, 1998, p. 11)

Editoras: Angelina Harari e Teresinha Prado

Opção Lacaniana online nova série é uma publicação digital ligada à Escola Brasileira de Psicanálise e à revista impressa de mesmo nome. A variante digital foi pensada e colocada no ar em 2005. Após cinco anos de ensaio, em 2010, estabilizou-se em uma nova série com periodicidade quadrimestral. O objetivo comum a ambas é publicar e divulgar artigos de autores nacionais e estrangeiros, ensaios, seminários, conferências, traduções, dedicados à psicanálise de Orientação Lacaniana e suas interlocuções com a ciência, a filosofia e a arte. No entanto, os textos que uma e outra veiculam não são os mesmos, salvo raras exceções, pois as linhas editoriais tem diferentes nuances. Em Opção Lacaniana online nova série visamos oferecer textos sobre temas atuais e relevantes de psicanalistas e autores consagrados, mas também cuidamos de dar voz aos que estreiam. Assim, a revista interessa tanto ao leitor como aos que desejam publicar na Escola. Além disso, trata-se de uma transmissão mais aberta e facilmente acessível, graças à internet, que pretende alcançar não só o estudioso, mas também o curioso, causando desejo nos estudantes, nos que podem vir a fazer uma opção decidida pela psicanálise, em especial, a de Orientação Lacaniana.

Editoras: Heloisa Caldas e Angelina Harari.

Sob a égide da Diretoria da Escola Brasileira de Psicanálise, a revista Correio é publicada semestralmente e se propõe, desde 1995, a exercer a função de registro do que acontece na EBP. Trata-se de transmitir o vivo da experiência de Escola a partir da produção dos colegas da EBP e da AMP. Acontecimentos tais como Encontros e Congressos têm lugar privilegiado na revista, assim como eventos ocasionais que reiteram a Orientação Lacaniana da EBP.

Sua distribuição é feita entre nossa comunidade de trabalho, podendo, ainda, ser adquirida nos eventos do Campo Freudiano, bem como na Livraria Online EBP, ou por solicitação à Secretaria da EBP pelo e-mail ebp@ebp.org.br.

Editores: Cleide Monteiro e Rômulo Ferreira da Silva

A “Correio Express” é uma versão online da revista Correio e direcionada ao público que se interessa pela orientação lacaniana, mas não necessariamente vinculado ao Campo Freudiano.
Abordando temas candentes, que concernem ao nosso Campo, mas não apenas, a revista funciona como um radar a captar o que fervilha na atualidade, apostando, com Lacan, que “o psicanalista deve estar à altura da subjetividade de sua época”, não devendo disso recuar.
O caráter express da revista, com textos mais curtos, facilita o acesso e acompanha a velocidade dos tempos que correm. Com a tecnologia da informação, o espectro da frequência e do público alvo certamente será maior, uma vez que a lista eletrônica “Veredas” divulgará a revista. 

Editores: Gustavo Menezes e Mônica Hage