Fale Conosco: (21) 2539-0960

Cartéis

Diretoria de Cartéis de Intercâmbios

Ana Tereza Groisman

O Cartel é a célula base da Escola de Lacan, pois reúne os elementos que caracterizam um trabalho de Escola. No Cartel, cada componente, motivado por uma questão epistêmica, política ou clínica, coloca-se a trabalho, sustentado num pequeno grupo e tendo em seu horizonte a Escola como o lugar que acolherá o produto resultante dessa tarefa. Ao mesmo tempo em que o Cartel é o coração da Escola, ocupando seu lugar mais íntimo, ele é também sua porta de entrada, ponto de torção entre o dentro e o fora, sempre aberto a qualquer um que queira se aproximar da Escola.

A diretoria de Cartéis deve zelar pelo funcionamento dessa engrenagem em todo o seu desenvolvimento, do “Procura-se Cartéis” à “Jornada de Cartel”, cuidando do registro, no catálogo, de cada novo Cartel, e propiciando que sua produção encontre os meios de divulgação disponíveis. Assim, além de acolher os que chegam, ela deve funcionar como um elo entre os diversos Cartéis, favorecendo um intercâmbio produtivo entre eles.

A Comissão de Cartéis e Intercâmbios também se organiza como um Cartel, com os quatro componentes da comissão e a diretora como Mais-um. Estes se reúnem em torno de um estudo sobre o Cartel, retornando às bases conceituais desse dispositivo e confrontando-o com o que encontramos em funcionamento em nossa comunidade. A partir da pergunta que anima cada integrante, visamos uma elaboração sobre o que se mantém da proposta de Lacan, o que mudou e o que deve ser interrogado dessa prática.

Coordenação: Ana Tereza de Faria Groisman

Comissão:

  • Clarisse Boechat
  • Francisca Joana Menta Soares
  • Lourenço Astúa de Moraes
  • Vicente Machado Gaglianone