[Editorial – Nº2]

Desenho a lápis de Stefan Bleekrode. Fonte: Disponível em:

Neste segundo número de Ação Dobradiça em revista, mantemos nossa temática em torno da redução da maioridade penal.
Na primeira rubrica, AÇÃO LACANIANA ENTRE-VISTA,  conversamos com o psicanalista mineiro Jésus Santiago sobre esse assunto. Em sua fala, reconhecemos uma posição decidida e uma elaboração bem original, lançando mão, inclusive, de um comentário sobre o filme Mad Max: estrada da fúria, articulando-o ao texto de Jacques-Alain Miller sobre a adolescência.
Em CONVERSAÇÕES/INTERCÂMBIO NA CIDADE, Nohemi Brown recolhe a pertinente contribuição do Centro Interdisciplinar de Estudos sobre a Criança (CIEN) a respeito do encarceramento dos jovens. Esse trabalho atesta como é enriquecedor para a psicanálise conversar com outros saberes e discursos. Também nessa seção o psicanalista Jorge Forbes (EBP-SP) contribuiu com um incisiva e esclarecedora “Nota sobre a maioridade penal”.
Enfim, na seção RADAR CARTELIZANTE, Lucila M. Darrigo demonstra a vivacidade da produção cartelizante no Brasil a partir dos trabalhos de Larissa Souto Maior (EBP-PE), Sarita Gelbert (EBP-RJ) e Dinah Kleve (EBP-RJ).
Boa leitura a todos!

 

 

Imagem: City Scape, Stefan Bleekrode.

Palavras-chave da postagem