[Editorial – Nº10]

detalhe_painel_oficina_cred_fred-paulino-e-lucas-mafra

A Ação Dobradiça em Revista traz, em seu décimo número, a potência de um desejo e suas consequências em uma gestão dedicada a fazer acontecer dobradiças que se instalam e ensinam na franja viva entre a experiência da psicanálise e a da cidade que a acolhe.

Ação Lacaniana Entre-vista Fred Paulino: sua gambiologia dedica-se a enodar peças soltas, elementos heterogêneos, disjuntos pela própria natureza em uma obra de arte. Ele é o artista das gambiarras e instala com seu ato a possibilidade inesperada de conectar objetos irregulares, de forma contingente e surpreendente.

Esse esforço de poesia também se faz ver no que se escreve do que não se escreve nos muros da cidade, com seus grafites e pixos: escrita em tinta fresca, cujos instantes do real sem lei modificam a paisagem, registrando a marca radical do que faz cultura nas ruas. Sergio de Mattos, diretor de Cartéis e Intercâmbio da EBP-MG, junto com sua equipe, fala sobre como se pro-jeta a Conversação/Intercâmbio com grafiteiros e pixadores de Belo Horizonte.

Sim! Este é um número especial! Uma homenagem à inquietação dos que insistem em fazer falar a potência do inaudível, registrando a subversão provocada. Nessa pista, o Radar Cartelizante capturou as colegas ADRn.10! Fernanda Costa, Lucila Darrigo, Maricia Ciscato e Nohemi Brown, colegas da Comissão Nacional da Diretoria de Secretaria, assinam com uma escrita singular o que emerge do tempo dessa ação: consequência imprevista da conversa em cartel, da formação que orienta e do encontro contingente do desejo de cada uma que nesse projeto teve cabimento.

O que isso ensina? Que cada um faça sua leitura e extraia as consequências das páginas desta revista.

Por fim, aqui resta alojado, o produto do que realizamos, Comissão Nacional e as Diretorias e Coordenações de Cartéis e Intercâmbios da EBP, na forma de um relatório.(anexo)

Uma homenagem aos que aí estão engajados!
Boa leitura!
RELATORIO 2015 2017

 

_____
Imagem:
Detalhe painel oficina, Fred Paulino e Lucas Mafra